sexta-feira, 5 de maio de 2017

Moro pede que defesa de Lula explique como quer fazer filmagem de depoimento do ex-presidente

Juiz determinou à defesa que dê detalhes sobre o procedimento e pediu aos advogados dos demais réus que se posicionem sobre o pedido.




O juiz Sérgio Moro determinou à defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva que se manifeste em 24 horas sobre o pedido que fizeram na quarta-feira (3), requisitando mudanças na forma sobre como os vídeos das audiências são registrados. Moro quer que os advogados deem mais detalhes sobre o que pretendem fazer, para que se evitem "perturbações desnecessárias".
Os advogados de Lula querem que a câmera registre quem está falando e não fique parada no interrogado. Eles ainda comunicaram que desejam fazer uma gravação própria, com som e imagem. O ex-presidente é réu na Operação Lava Jato e será interrogado por Moro na quarta-feira (10), em Curitiba.
O magistrado também informou que as defesas dos demais réus, caso se oponham ao pedido, podem se manifestar a respeito nos autos do processo.
Quer saber mais notícias do estado? Acesse G1 Paraná.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Eles estão caçando gays