sexta-feira, 18 de julho de 2014

Eu morreria...

de tristeza, de solidão, de tédio!




Eu sofreria muito! Morrer de tédio, já imaginou?
Iria me sentir igual um pássaro engaiolado e, por fim, 
morreria, se alguém ousasse tirar minha liberdade de 
escrever, que (para mim) tornou-se vital. 

E morrer significa não poder:

Desenhar minhas dores e lágrimas,
Colorir meu sorriso e esperança,
Partilhar momentos de tristeza ou 
de alegria...
Transmitir aos outros minha fé em Deus,
minha fé na vida e respeito ao ser...
Falar de meus sentimentos e de quanto amo!

Isso e muito mais em singelas palavras, que 
algumas pessoas entendem e isso faz toda diferença
em minha vida!
**********
isisdumontprosaeverso.net
Aparecida Ramos

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Eles estão caçando gays