segunda-feira, 30 de maio de 2016

Eu te amo e você é o meu herói' diz filho de vítima de injúria racial no Rio



Desabafo foi feito em rede social: 'o senhor não vai parar de fazer o bem'.
A mulher suspeita do crime foi liberada e responderá em liberdade.



Filho desabafa sobre injúria racial sofrida pelo pai (Foto: Reprodução TV Globo)Filho desabafa sobre injúria racial sofrida pelo pai (Foto: Reprodução TV Globo)
O filho do gerente de supermercado que teria sido vítima de injúria racial na Zona Sul do Rio, no último sábado (28) à noite, fez uma declaração para o pai, nas redes sociais, na qual afirma que sabe que "não são atitudes como essa que farão com que o senhor [o pai] pare de fazer o bem. Eu te amo muito e você é o meu herói". 

O desabafo do filho veio depois que o pai, que trabalha na unidade da rede de supermercados Zona Sul na Rua Dias Ferreira, no Leblon, teria sido alvo de injúria racial. A suspeita do crime é Maria Francisca Alves de Souza, de 58 anos, que teria dito ao homem: "Volta para sua senzala e quilombo".
Presa no sábado à noite, Maria Francisca chegou a ser transferida para o Complexo de Gericinó, em Bangu, na Zona Oeste do Rio, mas foi solta nesta segunda-feira (30) e responderá ao processo em liberdade.
De acordo com um dos funcionários, a mulher fez as ofensas depois que o colega que teria sido vítima de racismo se negou a lhe prestar um favor — buscar um produto enquanto ela aguardava na fila do caixa — o que motivou a discussão.  Ela também teria achado que foi tratada com deboche por uma caixa.
Tem alguma notícia para compartilhar? Envie para o VC no G1 RJ ou por Whatsapp e Viber.
tópicos:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Eles estão caçando gays