PM prende quatro suspeitos de participação em morte de tenente


Tenente da PM foi morreu após ser baleado durante operação na capital
Tenente da PM foi morreu após ser baleado 
durante operação na capita
Pelo menos quatro pessoas foram presas por suspeita de envolvimento com a morte do tenente Ulysses Costa, da Polícia Militar. Conforme nota divulgada pela Polícia Militar, os suspeitos foram presos durante uma operação realizada na noite de quinta-feira (4), em João Pessoa. Ainda de acordo com a nota, além dos quatro presos, a polícia apreendeu três armas de fogo.
Ainda de acordo com a PM, o policial militar de 32 anos estava à paisana, fazendo um levantamento geográfico na comunidade Aratu, no conjunto Cidade Verde, com outros colegas do serviço de inteligência, quando foi baleado nas costas. O tenente, que tinha 33 anos, chegou a ser levado para o Hospital de Ortotrauma de Mangabeira, mas não resistiu e morreu na unidade.
Segundo o tenente-coronel Henrique Sena, da Polícia Militar, o alvo das investigações seria um rapaz, filho de outro policial militar, que estava sendo investigado por porte ilegal de armas. Durante a averiguação, houve uma troca de tiros e o tenente foi baleado. O policial militar pai do jovem que estava sendo investigado foi detido e levado para a Central de Polícia Civil de João Pessoa, onde será ouvido pelo delegado plantonista.
O corpo do policial assassinado foi levado para a Gerência Execitiva de Medicina e Odontologia Legal (Gemol) de João Pessoa, deve ser liberado nesta sexta-feira (5).
Do G1 Paraíba

Comentários