Para descontrair: Café com versos



Amanhece,
brisa mansinha
entrando na janela
espreguiço-me
abro os olhos
vejo um verso
desses ousados
abusados
impublicáveis.

À mesa,
café quentinho
a fumaça sobe
há versos no pires
dizendo-me
-bom dia,
remete-me ao pretérito,
traz-me um sorriso
me faz artesã
de um poema singelo
desses que nem
se 'classifica'
como poesia,
mas, em contra partida,
exala alegria.

*****************
********

isisdumontprosaeverso.net
Copyright: proibir a cópia, reprodução, distribuição, exibição, criação de obras 
derivadas e uso comercial sem a prévia permissão da autora.
*****************************************
********************


No alvorecer de mais um dia, hoje rs.

Bom dia!!!

Comentários

Postar um comentário