Sobre pedir perdão







... Perdoar tem, assim,
múltiplos significados: escolher abrir mão de uma dívida emocional que temos contra outra pessoa; um processo que implica trabalharmos nossas reacções interiores; o fruto de uma decisão, não de um sentimento; restaurar os laços quebrados; concordar que o amor de Deus é maior do que qualquer limitação humana; etc.
O maior e primeiro perdão, no entanto, é o que recebemos de Deus. Através do sacrifício de Cristo somos perdoados e redimidos, somos acolhidos no amor de Deus. Uma das grandes riquezas que a Igreja Católica possui é o sacramento da reconciliação, que nos recorda constantemente este amor incondicional de Deus que nos perdoa. Ao confessarmo-nos, aceitamos as nossas culpas e pecados, reconhecemos que somos limitados e necessitamos da ajuda de Deus para agir de acordo com o Seu projecto.
(...)
Editorial da revista Liturgia Diaria Março 2010

Sendo injusta ou sem "razão" determinadas "cobranças" que acabam virando ofensas, considero o pedido de perdão quase uma "segunda ofensa". Talvez por ser tão sensível, fico "mal" só de lembrar, ver a cena em meus pensamentos. Meu coração sabe a hora certa de perdoar...  No entanto, não guardo mágoas nem ressentimentos e muito menos desejo de vingança. Portanto, nem precisa pedir meu perdão, ele vem naturalmente logo após a "agressão". Sou humana e pequena demais, por isso, ainda buscando ser melhor a cada dia. E, se Deus agir "assim" comigo, irei compreender e sei esperar.


Beijos mil para você que segue, visita e gosta desse nosso cantinho virtual!

Comentários