LUTO, a dor que fica





Certamente sua alma já está nos braços do Pai. Na morada celestial há infinitos lugares e o dele estava reservado por Deus. Ele... que caminhou entre os irmãos, que gostava de frequentar a Igreja, sempre fez parte dos momentos celebrativos na vida da comunidade. Era um homem simples, mas temente a Deus e sabia respeitar seus semelhantes. Exemplo de pai e esposo dedicado, soube amar e zelar por aqueles que Deus lhe confiou. Nós nunca iremos, a princípio, aceitar que aqueles a quem aprendemos a amar, venham a nos deixar. Mas é compreensível. Nos acostumamos e nos apegamos também à presença física e essa "ruptura", essa separação nos causa muita dor e tristeza. Somente Aquele que nos conhece mais do que ninguém, no seu devido tempo, traz a resignação, a paz aos corações. Meus sentimentos a você, Ronaldo (meu genro) e aos demais familiares! E, deixemos que a alma de seu José, descanse em paz no colo de Deus! E que, brilhe para ele a Luz eterna!

Comentários