sexta-feira, 18 de dezembro de 2015

Vozes outras


Nesse tempo, que vozes outras nós e nossos filhos estamos ouvindo?
Políticos profissionais, novelistas, pastores capitalistas, editores tele jornalistas, artistas formadores de opinião? Se estivermos ouvindo uma dessas vozes, nosso discernimento está possivelmente abalado e nossa família está seriamente ameaçada, pois não sabemos quais forças eles estão sujeitos. É saudável discernir e até romper com essa audição, porque assim como dispensamos comida estragada do cardápio alimentar, precisamos dispensar alimento contaminado de nosso espírito. As vozes que precisamos ouvir são aquelas que acrescentam ensinamentos, experiência de vida e sensatez ao nosso proceder. Deus nos imputou um caminho seguro a seguir, porém vozes outras que ouvimos nos confundem fazendo que utilizemos alguns atalhos, ao invés de encurtar a distância nos remetem ao ponto de partida. O caminho traçado por Deus não é fácil, mas é seguro. É a porta estreita que leva ao aperfeiçoamento e à plenitude. 
É como árvore que no outono se renova, eliminando as folhas e os galhos secos, para novamente florir e frutificar ou como a águia que se renova removendo dolorosamente suas penas com seu bico. Como disse Jesus, a luz do mundo: quem tem ouvidos ouça, ouça a voz de Deus: “A noite vai adiante, e o dia vem chegando. Despojemo-nos das obras das trevas e vistamo-nos das armas da luz” (Romanos 13, 12). FELIZ E SANTO NATAL DO SENHOR!

Obrigada, querido amigo James!
Bom dia, Caríssimos!!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Eles estão caçando gays