Essa mulher... sou eu! (reeditado)






Mulher de fases
...
de fé,
inquieta
preocupada
tranquila
de passos firmes,
leves,
apressados
'de acordo com o vento'
sensível às dores do mundo
...

Mulher única, 
essencial,
sensual,
especial
esposa,
mãe, tia, avó,
madrinha
vezes incontáveis.

Mulher
sogra
cristã
filha de Deus
aprendiz
das letras,
da vida,
mas
...
doutoranda
na arte de amar!

Movida 
pelo trabalho
e principalmente
pelo
Amor!

Capaz de chorar
mediante à dor alheia,
de coragem surpreendente
...

Mulher que sonha
poder ver um dia
(entre outras coisas)
...
Uma sociedade mais justa
sem diferenças salariais absurdas
entre mulheres e homens.

Por que remunerar desigual
a quem realiza trabalho igual?
...
Não fosse o machismo
as relações entre homens e mulheres
seriam bem diferentes, melhores,
nossos lares teriam um pouco
aparência do 'paraíso'!!

Discordo da falta de respeito
(dos homens)
no tocante às mulheres
com pouca roupa.
Nem todas fazem para provocar!

Por que  matam tantas mulheres?
Por que demorou tanto 
para que fosse aprovada uma lei 
mais rigorosa?
...

 A partir de "amanhã"
quando a presidente Dilma
'sancionará',


essa 'violência' (assassinatos) estúpida, bárbara, repugnante, inadimissível, bestial (feminicídio) passa
a ser tipificada como
crime hediondo,
apesar de tarde
...
 muito bem vinda!!
Um presente no 
Dia Internacional da Mulher, 
que (certamente) vai fazer com que muitos homens pensem 'duas' vezes antes de faltar com respeito à dignidade 
humana desse ser
...
Mulher!

***
Simplesmente
...
Essa mulher
... 
sou eu!


*********
O texto prevê penas mais duras para o assassinato de mulheres "por razões da condição de sexo feminino" - o chamado "feminicídio".
Ela inclui o feminicídio no Código Penal como homicídio qualificado, cuja pena pode variar de 12 a 30 anos - uma punição mais severa, portanto, do que a prevista para homicídio simples (de 6 a 20 anos).

Comentários