quinta-feira, 4 de setembro de 2014

Escrita ruim pode comprometer

6 orientações para uma boa redação empresarial



“À nível de, menas, questã, concerteza”? Quem nunca passou nervoso ao ver textos com esses termos? Esses erros grosseiros e muitos outros são cometidos no cotidiano das empresas em sua comunicação com clientes e parceiros. Contudo, é preciso saber eliminar todos esses e ter uma boa redação empresarial, o que reflete até mesmo nos resultados dos trabalhos.


Escrever corretamente e adequadamente é imprescindível para administradores e executivos. Você assinaria um contrato cheio de erros? Não dá para confiar, né? Então aprimore sua escrita.

E é necessário cuidado, pois, o cenário que observo no mercado é assustador. Já que escrever é um ato que a maioria dos profissionais exercem diariamente e, com a necessidade de agilidade exigida pelo mercado, cada vez mais se observa erros de escritas nas mensagens, e-mail e até mesmo propostas e contratos.

6 orientações para uma boa redação empresarial:



  1. É importante ter em mente que na redação empresarial a escrita é coletiva, ou seja, você está falando em nome da organização que trabalha. Assim, normalmente pense em “nós” e não mais em primeira pessoa.

  2. Se preocupe com o interlocutor da outra empresa, busque entender a forma que ele pensa e se há especificidades ou limitações, reflita a forma como ela vai reagir ao conteúdo do texto produzido por você e enviado por sua empresa.

  3. Reforçando, no seu texto você está representando toda a empresa, a apresentação é primordial, cuidado com uma carta sem clareza, rasurada, mal formatada, sem correção, demonstrando uma imagem pouco confiável.

  4. Dentre as orientações que posso passar para a produção textual está sempre apresentar o foco da conversa logo no início, deixando tudo muito claro e facilitando o entendimento, para isso escreva o texto com frases curtas, elas são mais fáceis de processar.

  5. Para que complicar? Assim, procure empregar palavras simples, elas são facilmente compreendidas e também utilize uma diagramação arejada, ou seja, parágrafos curtos, o que faz com o que o texto não se torne cansativo.

  6. Antes de escrever, se tiver dificuldade, pontue todos os temas que deseja abordar, se forem muito distintos estabeleça subtítulos. Por fim, leia tudo o que escreveu e revise, achando possíveis erros e expressões incorretas. Lembre-se: quanto mais escrever, mais se aprimorará.


*Ricardo M. Barbosa – é diretor executivo da Innovia Training & Consulting. Consultor em Gestão de Projetos há 15 anos e já atuou como executivo em grandes empresas como Ernst & Young Consulting; Wurth do Brasil; Unibanco; Daimler Chrysler.



Fonte: MSN Empregos 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Eles estão caçando gays